domingo, 31 de janeiro de 2010

Hoje, no hospital...

Passas pelo mundo como quem sabe que não é daqui.
Esqueces-te de ti e fazes-te instrumento.
Deixas que te toquem, não como quem quer sentir mas como quem quer dar.
Apertam-te a mão com força, como quem quer assegurar de que estarás sempre presente.
Deixas-te estar mas não esperas que ninguém venha. Sabes bem porque é que estás aqui.

E Ele passa e mostra-Se e faz de ti o que tu queres. Não porque tu possas alguma coisa mas porque sempre Lhe deixas o coração aberto para que a tua vontade seja a d'Ele.

E hoje? Também posso contar conTigo? Passsas por aqui?

8 comentários:

Anônimo disse...

Jesus está sempre a passar pela nossa vida. Ele está dentro de nós.
"Eu estou sempre convosco, até ao fim dos tempos."
É com esta certeza que tudo o que fazemos pode-se tornar divino.
Somos sacerdotes quando deixamos em tudo o que nos rodeia esta marca de divino.
Ana Cristina

Marco disse...

Que pergunta essa?
(na parte final)

dream* disse...

Força querida ;)
Podes contar sempre comigo! E com Deus, é óbvio que sim... Ele ama-te!
Beijinho*

Anônimo disse...

Conta comigo, SIM!
Beijo

Ritinh@ disse...

Sim, Irmã Cristina..

Deixar a marca do divino..
"Passar, fazendo o Bem, à semelhança do Mestre Divino!"

Ele passa, mas nem sempre o encontro.. porque ando à procura fora de mim..

Ritinh@ disse...

Esquece Marco.. Nem eu percebi muito bem!

Ritinh@ disse...

Oi Dream :)

Ainda me lembro.. a primeira vez que ouvi o cântico DEUS É AMOR, foi da tua boca.. acho que na caminhada das Irmãs "ANDA A CAMINHO DA LUZ", a Santarém!

beijinho***

Ritinh@ disse...

Olá "Anónimo"!
Quem és?
Obrigada por teres passado..