terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

24 horas na Luz



A luz é necessária à vida.
A Vida no meio da escuridão é morta, gélida, sem calor...

Quando a cada um de nós falta a luz da razão, ficamos expostos a todos os erros e sofismas, perdidos no meio da multidão… e quantos são os nossos irmãos que não vêem a beleza da natureza, a cegueira não os deixa ver com a luz do olhar! [que diga o Livro, Ensaio sobre a cegueira, um romance do escritor português José Saramago, publicado em 1995].

Todo o ser humano, toda a vida necessita de luz, luz é vida, é chama…
Se a luz é necessária, quanto mais não será necessária a luz de Deus (a única Luz!) em nossas vidas?

O caminho é o caminho do nada... Um nada que só o Espírito poderá entrever e sussurrar no silêncio do coração. Neste silêncio, encontraremos paz onde todos os segredos se encerram. Secretos segredos e belezas da vida de união que nos fazem deixar tudo para ir ao encontro de quem amamos. Radicalidade de vida?... Vida incendiada de Amor divino. Altos cumes subiremos, cumes por onde o espírito nos encontrará…. No fim da caminhada o Tudo nos abraçará definitivamente. Nele e só nele estará a paz.



A cada dia e a cada novo passo percebo o quanto a vida se torna fantástica nos pequenos momentos, nas pequenas lembranças, nas pequenas sensações... A cada novo passo sinto que Deus caminha comigo. Nas horas mais dificeis, leva-me no Seu colo. Nos momentos felizes, sorri comigo. Muitas vezes quando paro para pensar na minha vida, perco-me em perguntas sem respostas. Posso não saber o que estou a fazer aqui. Posso não compreender certos acontecimentos. Posso até sentir medo algumas vezes. Mas no fundo, sei que vou chegar onde Ele me levar...


"Porque tu és a grande segurança,
o grande seguro do inseguro.
Este salto no vazio escuro da fé
é muito dificil e supõe confiança cega!"
(Pedro Arrupe)

Sei que o caminho já está escolhido... Peço a Deus a Graça de me entregar a essa confiança que Ele me oferece.


...porque, a senda é o nada que se encerra no Tudo! Este Tudo vive em ti!

14 comentários:

Nuno(carinhosamente chamado de anjo) disse...

Entrega-te simplesmente...
Beijo

Adriana disse...

Antes de mais queria agradecer-te pela divulgação deste retiro que foi maravilhoso e que permitiu reflectir, sair um pouco da rotina e aprofundar a nossa fé.

Quanto à luz,tens toda a razao quando dizes que ela é fundamental... sem luz a visao do nosso caminho fica destorcida, podemos mesmo ficar envolventes numa cegueira que nos ultrapassa, que nos obriga a seguir outros caminhos que certamente nos vao fazer tropessar muitas vezes...

Um beijinho da tua Barbie :D

Anônimo disse...

"Luz terna suave no meio da noite leva-me mais longe...
Não tenho aqui morada permanente
Leva-me mais longe..."

A Luz do olhar do Senhor pousa sobre ti e conduzirá os teus passos.
Com um abraço amigo
Ana Cristina

Joana Santos disse...

Quando me perguntaste porque aceitei logo o teu convite esta era mais uma resposta possível: "O homem que ousa desperdiçar uma hora ainda não descobriu o valor da Vida" (Charles Darwin)

Temos de agarrá-la com as duas mãos e não deixá-la escapar pois é um Dom, é única. A cegueira é o vento que a puxa e a Luz as mãos que a mantem firme.

Obrigada pelo convite =)

Filipa, Aveiro disse...

Gostei do teu texto, e concordo que o nosso caminho está escolhido, e sempre sob a luz.

O encontro correu mesmo bem, temos que nos encontrar todos, num outro encontro (:

Um beijinho, Ana.

Continua com o blog (:

Ritinh@ disse...

Sim, querido Anjo..
Simplesmente..

"Todo o tempo que por Deus não é ocupado é perdido para a eternidade (MClara)"

Beijo com saudade *

Ritinh@ disse...

Adriana :D
Agradecer pela divulgação?? Estás tontinha?! =D Apenas dei o meu singelo contributo...
E se imaginasses como fiquei feliz de vos ver chegar... Foi bom ver a Família Andaluz com mais jovens... com bons jovens!

A todos nós faz falta algo que nos leve a sair da rotina, da repetitividade monótona, do uso banal e consumista do tempo, conscientes de que “não há duas horas iguais: cada hora é única, a única concedida naquele tempo, exclusiva e infinitamente preciosa” (Abraam Heschel).

Um grande beijinho,
Tudo de bom, e bom carnaval!
Ana Rita

Ritinh@ disse...

Irmã Ana Cristina:

Sim, a presença do Senhor, a Sua companhia dá-nos uma força superior, humanamente inexplicável, que nos permite resistir nos dias mais difíceis (“O Senhor está comigo; com Ele a meu lado, não vacilarei”! “Se me envolve a noite escura e caminho sobre abismos de amargura, nada temo, porque a Luz está comigo”!")

E a párobola “Pegadas na areia”, tão elucidativa? No início, são quatro pegadas (as de Jesus e do amigo a seu lado). A um certo ponto ficam só as duas pegadas do amigo. Mas quando o amigo pergunta a Jesus onde estava nos momentos mais difíceis, ouve a resposta surpreendente: nessa altura, levava-te eu nos braços.

Mesmo quando parece que somos abandonados por Deus, Ele continua a caminhar connosco, a levar-nos nos seus braços. Como é importante esta confiança no caminho da Igreja e na vida pastoral nos tempos mais difíceis!

Beijinho grande,
Ana Rita

Ritinh@ disse...

Joanaaaaaa =D

“Eu queria fazer progredir a história à maneira de uma criança que puxa uma planta para a fazer crescer mais depressa. Creio que é preciso aprender a esperar... Semear pacientemente o grão, regar assiduamente a terra que o cobre e conceder às plantas os seus tempos. Se os políticos e os cidadãos compreendessem que cada coisa, neste mundo, tem os seus tempos e que, para além do que se espera do mundo e da história, é importante saber o que o mundo e a história esperam, então a humanidade não acabaria tão mal como às vezes imaginamos... Não há nenhuma razão para ser impacientes, se se semeou e regou bem. Basta compreender que a nossa actividade não está privada de sentido. É uma actividade que tem sentido porque nasce da esperança e não do desespero, da fé e não da desconfiança, da humildade perante os tempos deste mundo e não do medo”.

Caminha com a Luz, junto das mãos que a mantêm firme..

Um grande beijinho,
A até a uma próxima...
Companheira de Caminhada na Luz*

Ritinh@ disse...

Querida Filipa :D
Foi muito bom reencontrar-me contigo outra vez!

E claro que temos de nos encontrar todos num próximo!


Caminhar sempre sob a Luz.. Sim..
É uma força interior que nos ajuda a prosseguir, com coragem e perseverança, no autêntico caminho da vida, mesmo quando está semeado de obstáculos ou quando tudo parece confuso e perdido.

Obrigada, Filipa!
Beijinho grande***

Ninie disse...

Épa...tens o poder da escrita.Simplesmente consegues encontrar as palavras certas para descrever o encontro.Este encontro foi mais de uns que me fascinou. A beleza ao nosso redor quando estavamos no castelo.E sabe se la kantos mais sitios existem bonitos existem por ai, mas definitivamente esse sitio era lindo.
No retiro,no sábado a noite no retiro, so me vinha a cabeça uma musica que ja ouvi quando olhava para as velas a consumir plo fogo. A musica é: "Só por Ti Jesus, quero me consumir,como vela que queima no altar, consumir de amor." =) Esperemos mais encontros destes juntos novamente e que venham mais caras novas porque vale a pena. Um Obrigado as Irmãs que sempre conseguem fazer um bom trabalho. =)

andorinha disse...

Que belo texto !

"Esta luz que vive em mim..."

É bom saber que mais jovens têm essa luz acesa dentro deles.

Estes encontros são optimos para fugir da rotina, reforçar a luz que vive dentro de nós porque sem encontros "mais vivos" com Ele, esta luz apaga-se e podemos andar às escuras. Gostei muito do retiro :D

Obrigada por iluminares o meu caminho

beijinhos

Ritinh@ disse...

Ninieeeeeeeeeee :D

"A beleza ao nosso redor quando estavamos no castelo.".....

Sem dúvida marcante!

A mim só me vinha à cabeça o Cântico: "Esta luz pequenina vou deixa-la brilhar" (ouvi uma vez algures...), e a frase: "Precisam-se de mais loucos desta marca..."

Junto-me a ti, no agradecimento às Irmãs....

Obrigada....
Beijinho*

Ritinh@ disse...

Andorinhaaaaaa :D
Fiquei muito contente por teres ido, muito mais ficou o Pai =D

Ainda bem que gostaste do "retiro"...

Eu não ilumino o teu caminho.... talvez às vezes deixe rastos de luz... da Luz!
Coragem e Confiança para caminhar
na luz :D
Beijooooo grandeeee